top of page
  • Foto do escritorABMTHS

Esperança e Vida: Uma história de amor ao próximo, que supera todas as dificuldades


Robertinho fazendo pães para o consumo da missão

No final de 2022, Roberto Geraldo da Silva, conhecido como Robertinho, fundador da Associação Esperança e Vida, estava na padaria da entidade, com a “mão na massa”, quando alguém veio lhe dizer que o engenheiro que estava instalando as placas fotovoltaicas para a geração de energia solar, queria falar com ele.


Como estava batendo a massa do pão, que hoje ajuda na alimentação dos assistidos pela missão, pediu que ele viesse até a janela. E a notícia que o engenheiro trouxe, encheu o coração de Robertinho de júbilo e gratidão a Deus: - A energia elétrica que ele usava naquele momento, era uma grande dádiva da natureza, gerada totalmente pelo sol! Obra de Deus!





 

Começa aí, mais um capítulo da história da Esperança e Vida que nasceu no coração desse mineiro há 33 anos, como uma inspiração Divina para atender pacientes com AIDS em estado terminal e em situação de exclusão social.



De lá para cá, a obra cresceu e hoje atende também, dependentes de drogas em recuperação. Em todos esses anos, são mais de 3 mil e quinhentas pessoas atendidas pela associação. Mas como toda entidade sem fins lucrativos, que depende da boa vontade de doadores para seguir existindo, as dificuldades são muitas e com a Esperança e Vida não é diferente: - Todos os meses, as preocupações se repetem em forma de custos fixos como salários e diversas despesas que devem ser pagas para que tudo continue funcionando.

Um desses custos, era a conta de energia elétrica, que todos os meses girava em torno de 10 mil reais. Da necessidade de diminuir os gastos para poder investir em outros projetos, surgiu, em junho de 2022 a parceria com a AbmthS, que investiu na instalação de um sistema gerador de energia solar, que atendesse a necessidade da Esperança e Vida. Esse sistema foi instalado e passou a funcionar no final do ano passado.


Placas Fotovoltaicas instaladas no telhado da Esperança e Vida
Paulo Sieh, Robertinho, José Roberto Silva e Roberto Betove, colaboradores da missão, diante do painel de controle do novo sistema de energia solar

Em um mês de uso, a conta de energia diminuiu cerca de 90% e a expectativa é que ela seja zerada, tornando a casa onde são atendidos os pacientes, totalmente autossuficiente em geração de energia! Esse, é o grande objetivo de Robertinho: - Tornar a missão autossustentável.


Confiando na providência Divina, mas trabalhando para superar as dificuldades que surgem, a Esperança e Vida segue transformando as vidas daqueles que passam por lá. Seja os reinserindo à sociedade, no caso dos dependentes químicos, ou garantindo nos últimos dias de vida de pessoas tão marginalizadas, um momento digno de encontro consigo mesmo e com Jesus, através da fé católica.



Para Robertinho, a missão não para: - Ele agora, se empenha em aumentar os frutos de um dos muitos projetos da entidade: - Uma padaria, onde ele também é o padeiro, com o objetivo de aumentar a receita da associação, rumo à sustentabilidade!


E das mãos dele, surgem saborosos biscoitos, bolos, panetones e pães, que além de garantir o sustento dos assistidos pela missão, nos lembram do “Pão da Vida”, Jesus, que inspirou Robertinho e até hoje mantem vivo no coração dele, o amor e a resiliência para ajudar aqueles que precisam... seus filhos e filhas!




131 visualizações0 comentário

Comentarios


bottom of page