• ABMTHS

Festejos juninos animam crianças e adolescentes do Centro Social Madre Maria Rosa

Por Lucas Thaynan - Jornalista


As tradições juninas embalaram a tarde do dia 25 de junho, no Centro Social Madre Maria Rosa (CSMMR), em Maceió. As crianças, adolescentes e familiares atendidos pela instituição participaram de diversas atividades realizadas no Dia de São João, que celebra uma data muito importante para a cultura e para o povo nordestino. As músicas do coco de roda - dança cantada típica do folclore alagoano - contagiaram os passos e o gingado dos integrantes, formados pelos pais e pelas próprias crianças do centro social. Ao ritmo dos batuques na zabumba, instrumento de percussão utilizado no folguedo, dançaram canções marcantes do festejo junino, como “Balanço do Ganzá”, “Rala Buxo” e “No Tempo Que Eu Era Só”.


Brincadeiras juninas

As crianças ainda participaram de diversas brincadeiras, como a pescaria, boca do palhaço e rabo no burro. A jovem Letícia Cabral, de 15 anos, fala que gosta dos momentos de festividades realizados no Centro Social. “O que mais gosto nestes momentos é a presença de todas e das brincadeiras. Aqui é um lugar onde me sinto muito bem”, conta Letícia.


A coordenadora do Centro Social Madre Maria Rosa, irmã Joanne Pundyk, destaca a importância de celebrar os festejos juninos para se manter viva a cultura nordestina.


“A gente procura manter as tradições do São joão. Não as coisas estilizadas, mas as originais como o coco de roda, a quadrilha, estas brincadeiras como a pescaria, tiro ao alvo para as crianças brincarem e preservar esta cultura nordestina. É importante dançar, brincar e celebrar a vida, e para isso as próprias crianças decoram o centro, elas que ensaiaram o casamento matuto. Isso tudo é para eles se divertirem e ao mesmo tempo buscamos preservar e valorizar a cultura e as tradições”, destaca.


Fotos: Lucas Thaynan

ASSOCIAÇÃO BENEFICENTE

MARIA E TSU HUNG SIEH

ABMTHS 2018 - Todos os direitos reservados

Design Victor Martins